robinho condenado a 9 anos de prisão por violação

A condenação de Robinho já vem de 2017, mas foi permitido que o jogador continuasse a sua carreira. A sentença foi agora levantada.

Robinho foi condenado num tribunal italiano, enquanto jogador do AC Milan, por alegadamente ter participado numa violação de grupo a uma mulher albanesa em 2013.

A sentença não incluiu a extradição, o que permitiu ao jogador continuar a sua carreira futebolística sem cumprir qualquer pena.

Entretanto, a defesa do jogador tentou desacreditar a vítima com imagens da mulher a consumir bebidas alcoólicas mas tal tentativa não resultou em nenhuma alteração na sentença do jogador.

O jogador e os amigos foram agora novamente condenados, e obrigados a pagar cerca de 60 mil euros por danos morais à vítima.

Robinho sempre se afirmou como inocente e é esperado que a defesa apresente um novo apelo à mudança da decisão do juíz.