Foi oficialmente confirmado que Son irá começar o seu serviço militar no final deste mês.

O jogador dos Spurs regressou recentemente ao seu país para continuar a recuperar de uma lesão no braço. Está agora a fazer uma quarentena voluntária de 15 dias de forma a prevenir o alastramento do coronavírus.

A partir de dia 20 de abril, Son irá fazer o seu intenso serviço militar que tem obrigatoriamente de ser concluído antes do seu aniversário em julho. O serviço será realizado na Ilha de Jeju, numa unidade da Marinha da Coreia do Sul.

Normalmente todos os homens sul-coreanos têm de fazer 21 meses de serviço militar antes de fazerem 28 anos, no entanto, o avançado ganhou uma exceção quando ganhou os Jogos Asiáticos de 2018 com a sua seleção.

Mesmo assim, Son tem que cumprir 4 semanas de serviço militar. A pandemia da Covid-19 parou o futebol em todo o mundo, e tornou-se na altura ideal para Son fazer o seu serviço militar.

Um oficial da marinha, disse ao Reuters, que o jogador irá receber uma versão encurtada daquilo que seria o treino normal, e  deve incluir educação disciplinar, exercícios de combate, bem como exercícios químicos, biológicos, radiológicos e nucleares.

“Assim que estás no exército, deves saber disparar uma arma, respirar no gás, participar no combate e rastejar e rebolar por todo o campo ”

Parece que Son irá ser puxado até ao limite, como nunca foi nas pré-temporadas.