son-militar

Heung-min Son irá participar no serviço nacional na Coreia do Sul durante a quarentena devido ao Coronavírus.

O Tottenham confirmou na semana passada que o jogador Sul-Coreano viajou para o seu país por razões desconhecidas após a Premier League ter sido suspensa devido ao surto da Covid-19.

O The Guardian reportou que o jogador terá que cumprir o serviço militar obrigatório, durante quatro semanas. Son quer aproveitar para cumprir o serviço durante este período de forma a não afetar a sua carreira no futebol.

O jogador do Tottenham já escapou anteriormente a 21 meses de serviço militar obrigatório após ter liderado a sua seleção a ganhar os jogos asiáticos de 2018, o que lhe concedeu uma exceção.

O calendário da Premier League prevê o regresso do campeonato a 30 de abril mas tudo indica que terá que ser adiado. Son irá começar o seu serviço militar dia 20 de abril, na esperança que não coincida com nenhum jogo dos Spurs.